Óleo de argan, para seus cabelos

 

Proteger do ressecamento, hidratar e promover o tão desejado efeito espelhado nos fios que estavam danificados, secos, ásperos e com frizz. Esse é o milagroso efeito proporcionado pelo óleo de argan, o novo queridinho das mulheres para cuidar dos cabelos.

Antes importado e encontrado apenas na versão em óleo, agora o argan também já faz parte das fórmulas de shampoo, condicionador, creme de tratamento e creme para pentear.

A árvore de argan é originaria somente de uma região montanhosa do sul do Marrocos, desenvolve-se em solo árido e pode viver até 200 anos. Seus frutos têm uma castanha muito dura, contendo de uma a três sementes, das quais o precioso líquido é extraído.

“O óleo de argan é rico em ácidos graxos insaturados (mais de 80% de sua composição). Possui um alto teor de acido linoléico, um dos ácidos graxos ômega-6 que é precursor da vitamina F e está presente no óleo de argan numa concentração três vezes maior do que no azeite de oliva. Também devido ao alto teor de tocoferol natural (Vitamina E), o óleo de argan é um potente anti-oxidante”, explica a gerente de pesquisa e desenvolvimento de produtos da Unilever, Sueli Cagliari.

Por isso, na utilização cosmética, o óleo de argan é conhecido por sua ação de nutrição e revitalização dos fios danificados e garante, ainda, aspecto saudável aos cabelos, maciez, mechas disciplinadas e com brilho.