Homenagem ao “Dia dos Pais”

 

Após ver o único homem da casa, quem a criou, cuidou e ensinou tudo sobre a arte do viver, Sonora Louise Smart Dodd quis revolucionar o mundo, quis dedicar uma data para quem muitas vezes pode ser deixado de lado, ao ser comparado ao papel da mãe em uma família.
.
Mesmo depois de anos em que muitos esforços foram feitos para que a vida de Sonora fosse preservada, sem nenhuma sequela da ausência trágica da mãe, a menina criou um dia só dele, um dia em que simbolizasse o carinho e a tamanha importância que os pais fazem na vida de um filho, sejam eles viúvos ou não.
.
A partir do dia 19 de junho de 1910 foi instituído o “Dia dos Pais”, talvez um dia apenas cheio de simbolismos ou marketing para alguns olhares que se debruçam sob a data ou um dia cheio de sentimentos e afetos envolvidos através do aprender e ensinar que foi dado desde o príncipio de uma vida, pelos pais.
.
Homens e eternos meninos que ao saber o nascer de uma nova vida que os esperam abrem o sorriso que somente uma criança pode ser capaz de dar, uma simples sinfonia entre a felicidade e a geração.

Homenagem ao “Dia dos Pais”

Pais aqueles que acolhem e ensinam que a vida tem vários caminhos, os mais fáceis e duros até os mais felizes e tristes.
.
Pais aqueles que nos ouvem, que sabem buscar a palavra certa para confortar ou até mesmo pais distantes que buscam através do suor e da distância uma forma de proporcionar saúde, bem-estar e qualidade de vida a quem os espera cheio de amor para dar.

Homenagem ao “Dia dos Pais”

Pais, pessoas que não são destaques para algumas famílias, já outras recebem os devidos cuidados de carinho e amor. Pais, eternos filhos, eternos professores e aprendizes, aqueles que possuem sempre uma “carta na manga” para minimizar até mesmo a mais pura tristeza que a vida possa nos dar, trazendo a esperança de que tudo pode mudar.
.
Alguns descreveriam a palavra pai como afeto e sabedoria. Afeto por dar carinho de forma única, que apenas estes podem dar.
.
Sábios por terem uma vida inteira à contar aos filhos, mas em pequenas lições de vida diárias nos fazem acreditar que temos muito o que aprender.
.
Homens maduros, novos, vivos ou falecidos, estes merecem um dia e tantos outros para serem lembrados e homenageados.

Homenagem ao “Dia dos Pais”

Os pais merecem cuidados assim como nós requisitamos ao nascer, pais merecem carinho assim como necessitamos ao cair e se machucar pela primeira vez, pais merecem os filhos, não apenas nesta data, mas todos os dias de corpo e mente, prontos para reviverem uma história que os uniram desde o primeiro encontro ao nascer e fazer renascer a partir do nascimento ou da descoberta de uma gravidez.
.
Faça desta não apenas uma comum data em que presentes e afetos são demonstrados, mas, deixe se demonstrar, deixe fazer existir esse afeto além da responsabilidade que este dia exige.

Homenagem ao “Dia dos Pais”

Mostre à ele que você realmente é grato (a) pelas risadas, ensinamentos, conversas, discórdias, argumentos, pois estes foram passos fundamentais para você chegar aonde está.
Abrace-o e diga o quanto é bom estar com ele.
.
E se o seu pai já faleceu, apenas recolha a mente, o corpo e a alma para fazer à ele um pensamento, uma lembrança de gratidão pela existência e importância que um dia ele já proporcionou.
.
Faça deste dia dos pais ir além do simbolismo, fazendo assim como Sonora Dodd, um dia só para ele.
.

Feliz dia dos pais!
.

– Equipe Nós Mulheres.