George Clooney é preso após protestar por comida

O ator George Clooney com a intenção de protestar em defesa de milhares de pessoas famintas do Sudão é preso por, segundo a justiça, desobediência civil.

A cena inusitada ocorreu nesta última sexta-feira 16, quando Clooney resolveu junto ao um pai e um deputado democrata, invadir o jardim da embaixada e protestar contra Omar al-Balshir, o acusado de barrar entrada de comida no Sudão do Sul.

Segundo o galã, o objetivo do protesto é pedir duas coisas à embaixada:

George Clooney é preso após protestar por comida

“Estamos aqui para pedir duas coisas simples: A primeira é uma coisa imediata, e precisamos imediatamente que [o envio] de ajuda humanitária seja permitido para o Sudão antes que isso se torne a pior crise humanitária do mundo” comentou para a imprensa ao ser algemado.

“A segunda coisa é que o governo deve parar imediatamente de matar aleatoriamente seus próprios homens, mulheres e crianças inocentes. Isso é tudo que pedimos.” finaliza ele, que é ativista e já atuou em um filme que fala exatamente sobre o caos que o país está sofrendo.

George Clooney é preso após protestar por comida

Ambos após pagarem uma fiança de cerca de US$100, saíram da delegacia e levantaram polêmica diante do mundo, que se sentiu oprimido após um protesto à favor de um dos principais direitos humanos: a alimentação de uma nação.

Por: Jornalismo Nós Mulheres.