Dividir produtos de higiene pessoal pode causar doenças

Não é de hoje que a guerra entre os sexos, mesmo dentro dos relacionamentos, é evidente.
.
Homens reclamam que as mulheres falam demais, gastam demais, demoram para sair e reclamam demais. Já as mulheres deixam claro a insatisfação ao ver a toalha molhada em cima da cama ou a tampa da privada levantada, certo?
.
Existem inúmeros motivos para ambos os sexos discutirem, ainda mais se eles conviverem diariamente, mas após um alerta que o programa global, Bem Estar, exibiu fica ainda mais clara a necessidade da individualidade em uma relação.
.
Segundo os especialistas convidados, utilizar os mesmos objetos de higiene pessoal do marido ou da esposa, pode ser um risco à saúde.
.
Um sabonete, por exemplo, pode tornar-se transmissor de diversas doenças se o casal não possuir sabonetes individuais ou sabonete líquido.
.
Apesar do produto ser desenvolvido para evitar bactérias, os pelos que ficam grudados no sabonete podem transmitir inúmeras doenças e provocar irritações pelo corpo.

Dividir produtos de higiene pessoal pode causar doenças
As escovas de dentes também são sinônimo de doenças se forem utilizadas pelo casal, pois assim como o beijo elas podem transmitir vírus e bactérias.
.
Portanto, a individualidade prevalece mesmo quando se tem uma relação com um outro indivíduo.
.
É preciso cuidados com a higiene dos produtos utilizados, para isto evite utilizar o mesmo com o seu parceiro e atente-se também para o armazenamento destes para que não fiquem vulneráveis a bactérias que ficam acumuladas em ambientes úmidos como o banheiro.
.
Tampar a escova de dentes, a pasta dental e deixar a tampa do vaso sempre fechada após o uso podem ser maneiras de eliminar alguns problemas de saúde.
.
Converse com o seu parceiro e prefira manter a sua saúde em boas condições, utilizando apenas produtos higiênicos individuais e optando pela preservação deles, deixando-os sempre bem armazenados, longe de sujeiras e vírus.

.
Fonte: Bem Estar.
Por: Jornalismo Nós Mulheres.