Preste atenção nos sintomas da doença

Distúrbios alimentares atingem cada vez mais mulheres e principalmente as mais jovens. Um dos casos chocantes foi o da cantora Karen Carpenter que morreu de anorexia nervosa aos 32 anos. Hoje, a modelo checa Eva Herzigova, a atriz de Barrados no Baile Tori Spelling, Lindsay Lohan e mais recentemente a princesa Kate Middleton são suspeitas de sofrerem do transtorno.

A anorexia e a bulimia são as doenças mais conhecidas e que atacam adolescentes e mulheres que, por se acharem gordas, param de comer. O que elas não percebem é que já emagreceram demais e muitas vezes, chegam a um nível que podem até morrer. Segundo o Ministério da Saúde, pacientes chegam rapidamente a um grau extremo de desnutrição e o índice de mortalidade chega a atingir 15% a 20% dos casos.

Diversos fatores podem ser as causas das doenças como: predisposição genética, o padrão de beleza que determina a magreza absoluta como símbolo de elegância, problemas familiares ou comportamentais e a existência de alterações concentrações de serotonina e noradrenalina no cérebro.

Como forma de tratamento, na anorexia, a reintrodução dos alimentos deve ser gradativa; muitas vezes é necessária a internação hospitalar para que a oferta de calorias seja controlada por nutricionista; não há medicação específica para esses transtornos. Assim como para a bulimia. É preciso um acompanhamento de médicos, psicólogos e nutricionistas.

Sintomas da anorexia:

  • Alteração no ciclo menstrual
  • Problemas de depressão, ansiedade ou alterações de humor
  • Fraqueza e desnutrição
  • Perda de peso significativa
  • Pele seca
  • Dores no corpo
  • Pressão arterial baixa
  • Anemia
  • Redução da massa muscular
  • Cansaço
  • Sentir muito frio
  • Ossos fracos
  • Infertilidade
  • Problemas no coração

Sintomas da Bulimia

  • Inflamação na garganta (de tanto forçar o vômito)
  • Rosto inchado e dolorido
  • Cáries nos dentes
  • Desidratação
  • Sangramento do esôfago
  • Prisão de ventre crônica
  • Hemorróidas
  • Rompimento do estômago
  • Problemas no coração

Fonte: Ministério da Saúde.

Foto: ibtimes.com.